Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Samantha Em Chamas

Fogos e desafogos de uma viajante arco-íris que arde pelo mundo.

Apontamentos geográficos

  • A minha vontade aka necessidade de viajar está a regressar aos poucos de forma genuína, sem a obrigação de o fazer porque sempre o quis fazer, apenas o coração a saltar-me dos olhos cada vez que vejo ou escuto algo de outra cultura. 

 

  • Não quero viajar nas férias. Vá, também quero, obviamente. Mas o que eu quero é viajar com frequência enquanto ferramenta de trabalho também. E não, nada dessas tretas de me juntar a uma empresa com escritórios noutros países e subir a cargos que não me interessam para depois passar os dias em escritórios noutras coordenadas. Uhm uhm, a mim não me apanham dentro de escritórios outra vez a não ser que sejam os escritórios da National Geographic e eu esteja a tratar de algum projecto (sonho alto?). 

 

  • Costumo andar pelo google maps. E não é para ver onde fica a mercearia da Dona Inês. É super divertido. Atiro a bonequinha para o meio do mapa aleatoriamente e começo a explorar. Uma vez encontrei uma lareira no meio do nada. Também já encontrei o Nemo. E um peluche abandonado também. O mundo é um lugar estranho - de uma boa maneira! Isto dava uma boa rubrica. 

 

  • Estou a 239 quilómetros de um abraço que não sai do meu pensamento. Mas não é o momento, cada viagem e cada abraço a seu tempo. E eu entendo isso.

 

16 comentários

Comentar post