Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Samantha Em Chamas

Fogos e desafogos regados a cerveja e coração

O barzinho

Tem uma sala quadrada pequena forjada a preto e vermelho e com fotos de concertos penduradas. Assim que entro, sempre por volta das 22h, peço uma imperial e sento-me numa das duas mesas encostadas à parede. É redonda e pequena, como são as outras sete, e fica perto da cabine onde se põe a música. Durante essa primeira hora, o habitual ronda o rock melancólico e o grunge dos anos 90, sempre acompanhado de um incenso, mas na sexta-feira passada estava a passar punk português. Tara Perdida, Samantha Encontrada. Chegam as 23h e alguns minutos e as pessoas começam a chegar. O ritmo aumenta, normalmente por algum DJ convidado, e o metal mais pesado e conhecido normalmente ganha lugar. Também gosto. Mas no outro dia o moço convidado tinha uma onda mais (pop e anarco) punk e isso já mexeu mais comigo. E ontem as intérpretes femininas ganharam destaque. Pedi mais uma cerveja e fiquei mais um pouco. Gosto de alguns clássicos mas para mim o melhor do rock, do mais leve ao mais pesado, vem das guitarras e das vozes das mulheres da rockalhada. Cantei tudo. Perante os toques musicais pesados, senti-me leve. O fumo das outras pessoas entranhou-se nos pulmões e senti-me miseravelmente bem. 

 

Encontra-se no centro histórico de Almada, a dois passos do sítio onde estou a morar mas é ali que vou à noite para viver. Ouvir duas das minhas bandas preferidas, Hole e L7, a tocarem num bar em Portugal, enquanto bebo cerveja no meu cantinho e me sinto mais próxima de mim do que durante o dia, é encontrar casa no meio do caos. É o meu porto-de-abrigo, onde descansei a cabeça e onde tomei decisões. E ontem tomei mais uma.

 

Tem outro nome mas é assim que penso nele:

O barzinho do meu coração, que me salvou durante estes meses de confusão.

6 comentários

Comentar post

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

ANTES QUE SE QUEIMEM

Liberdade de expressão não é o mesmo que liberdade de ofensa, portanto comentários ofensivos não serão aprovados. Discordar é válido, palavras agressivas dirigidas a mim ou outras pessoas não. As fotos e os textos neste blog são normalmente da minha autoria e, no caso de não serem, avisarei no post respectivo.

Registo de Fogos Postos

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D

Blogs de Portugal